Saiba como foi a semana do ATENS SN – 18 a 22 de abril

Começamos a semana participando da reunião da Frente Parlamentar Mista do Serviço Público, com os últimos informes sobre os trâmites da Câmara de Deputados para designação das Comissões regimentais após a dinâmica da janela partidária, especialmente a disputa pela presidência das duas comissões mais relevantes: a CCJ e a Comissão de Finanças e Tributação. Também foi discutida a proposta que o governo anunciou para a recomposição dos servidores federais do Executivo, sendo esclarecido que existem quatro possibilidades em estudo dentro das áreas técnicas do Ministério da Economia, sem que haja qualquer negociação com os servidores. O prazo final, de acordo com a legislação eleitoral e a Lei de Responsabilidade Fiscal, para que haja recomposição salarial finaliza em 04/07. 

À noite, a reunião semanal da Diretoria do ATENS SN teve como pautas principais a Campanha Salarial e o Fórum Presencial dos Dirigentes que será realizado em setembro/2022. Os servidores definiram a Jornada de Lutas em Brasília nos dias 26 e 28 de abril, com vigílias, atos e manifestações em frente ao Ministério da Economia como forma de pressionar a instalação da Mesa de Negociação.

A Pública Central do Servidor convocou, excepcionalmente, a reunião semanal da Diretoria na quarta-feira, dando prosseguimento aos debates sobre as alterações estatutárias que devem ser aprovadas no Congresso em agosto. O ATENS Sindicato Nacional conta com 4 diretores na composição da Diretoria da Central.

O Fórum de Dirigentes do ATENS também foi convocado para quarta-feira, em razão do feriado de Tiradentes na quinta e o ponto facultativo na sexta-feira. Na pauta, a apresentação da nova Coordenação do ATENS na Universidade Federal do Tocantins, a Campanha Salarial e a mobilização dos TNS, as discussões sobre a IN65 no Grupo de Trabalho do Teletrabalho, formado pelo ATENS SN e o Fórum presencial que será realizado em setembro na cidade de Goiânia (GO).