Em Fórum representativo, TNS discutem encaminhamentos do Movimento

Encerrando os dois dias de trabalho do I Fórum Nacional do ATENS SN, os TNS finalizaram, na tarde deste sábado (18), os debates sobre Organização e Registro Sindical e consolidaram as propostas aprovadas durante todo o Encontro.

Temas como fixação da data base, contrariedade à ampliação da terceirização, implantação do Regime de Trabalho de 30h e a criação da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) foram amplamente debatidos no período da tarde, com a aprovação de moções para alguns destes temas, que em breve deverão disponibilizadas na página do Sindicato.

Foi discutida, ainda, uma integração maior entre as diretorias regionais, seguindo as orientações do planejamento estratégico realizado pelo Sindicato, a retomada do debate sobre a realização de um abaixo-assinado sobre o pedido de revisão do PCCTAE e a elaboração de um documento de apoio à situação de constrangimento a que a ATENS UFMG Sindical está sendo submetida em sua base de atuação, demandas que deverão ser ainda melhor discutidas no fórum virtual e aprovadas pela diretoria.

Outro ponto bastante discutido foi a necessidade de dinamizar a Comunicação do ATENS SN. O desafio apontado nas diversas intervenções sobre o tema está vinculado ao desenvolvimento de um processo comunicativo em que a categoria estabeleça elos concretos com a atividade sindical, com a identificação dos novos desafios que se colocam à imprensa no contexto de disputa pela hegemonia no movimento da categoria de técnicos de nível superior.

Os debates foram encerrados com um agradecimento do presidente do Sindicato Nacional, Edilson Tavares, ao esforço empreendido por todas as Seções Sindicais e Associações para se fazerem presentes ao Fórum de discussão. Edilson ressaltou, ainda, o papel fundamental para o sucesso das atividades exercido pela comissão organizadora do evento.