ATENS presente no lançamento da Frente Gaúcha em defesa das Universidades Federais

Foi lançada nesta segunda-feira (18), em Porto Alegre, a Frente Gaúcha em defesa das Universidades e Institutos Federais, com a presença de reitores das instituições locais, parlamentares e entidades. O ATENS participou do evento, representada pela secretária geral do ATENS SN, Diana Sampaio. Com a assinatura das 16 siglas que formam as bancadas na Assembleia Legislativa, a Frente Gaúcha em Defesa das Universidades e Institutos Federais do Rio Grande do Sul pretende “defender a manutenção e a ampliação dos investimentos no ensino público e superior gaúcho atendidos pelo governo federal, pauta de essencial relevância para o Estado, na docência, na pesquisa e na extensão”.

Para o diretor do ATENS Nelson Moraes, “foi um evento muito forte, muito significativo. Entendo que a Frente deveria ser multiplicada em todos os Estados, porque só assim vamos conseguir reverter essa politica educacional do governo federal. É preciso coesão de todas as IFES e os TNS são parte decisiva nesse processo”.

O reitor da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), professor Paulo Afonso Burmann, criticou a política de cortes promovida pelo governo federal, que tem transformado a realidade das universidades de todo o país em um verdadeiro caos. “Desde 2014, temos percebido uma evolução negativa, um orçamento frio, sem correção monetária ou adequado ao crescimento das universidades”, pontuou. Segundo o reitor da Universidade Federal de Pelotas, professor Pedro Rodrigues Curi Hallal, “ainda falta liberar 15% das verbas de custeio e 40% de capital. Sem esses recursos as universidades não chegam ao final do ano”.