ATENS SN manifesta repúdio ao PLP 257/2016

O ATENS Sindicato Nacional vem a público manifestar repúdio ao Projeto de Lei Complementar (PLP) 257/2016 enviado pelo executivo que tramita em regime de urgência no Congresso Nacional.

A proposta prevê alterações na Lei de Responsabilidade Fiscal ao ampliar o prazo para pagamento da dívida dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios e tem como contrapartida a implantação de medidas que precarizam as relações de trabalho e o serviço público.

Entre outros aspectos, o PLP representa uma ameaça à realização de concursos públicos e prevê o congelamento de salários e ampliação da terceirização.

O ATENS SN reafirma seu posicionamento contrário a este pacote de antiserviço público.

Diretoria do ATENS SN