ATENS SN contrapõe argumento de déficit na Previdência em Cartilha

Contrapor os argumentos apresentados pelo governo interino de Michel Temer de que a Previdência Social no Brasil é deficitária e alertar a sociedade sobre as ameaças à aposentadoria dos trabalhadores. É com este objetivo que o ATENS Sindicato Nacional, em conjunto com as demais entidades e movimentos que compõem a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Previdência Social, lançam uma cartilha sobre o tema.

O documento desmistifica o déficit e apresenta propostas para uma Previdência Social Pública, Justa e Solidária em contraponto à proposta do Planalto de aumentar a idade mínima para aposentadoria.

Sob a argumentação de que a Previdência amargaria atualmente um rombo de R$ 146 bilhões, a equipe econômica de Temer trabalha para formular uma proposta de reforma a ser enviada ao Congresso. O governo defende que a medida seria essencial para equilibrar o orçamento e conter o endividamento.

Contudo, o posicionamento governista tem sido duramente criticado por parlamentares e especialistas que se debruçam sobre o assunto.

Para a Diretoria do ATENS SN, essa base de argumentação serve apenas aos interesses de mercado, que querem potencializar os lucros com a retirada dos valores sociais que representam os direitos dos trabalhadores.

Frente Parlamentar

A Frente Parlamentar Mista em Defesa da Previdência Social está sendo recriada por iniciativa do Senador Paulo Paim (PT-RS) e do Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), em conjunto com diversas associações, sindicatos e entidades nacionais, estaduais, municipais e distritais, defendendo a manutenção dos direitos sociais e uma reforma estrutural da captação de recursos nos termos da legislação atual, com o propósito de garantir a segurança jurídica e atuarial do sistema de Seguridade Social Brasileiro.

Download
O material produzido pela Frente Parlamentar Mista em Defesa da Previdência Social está disponível online para consulta pública.