ATENS Sindicato Nacional repudia medidas anunciadas pelo Governo

O ATENS Sindicato Nacional vem a público manifestar-se, veementemente, contrário às novas medidas de ajuste fiscal propostas pelo governo federal, apresentadas ao longo da semana em curso.

Tais medidas reprisam práticas já adotadas em governos anteriores, retirando direitos trabalhistas, congelando salários e recriando imposto abolido pelo Congresso Nacional.

Novamente, o governo impõe à sociedade e aos servidores públicos a responsabilidade pelo pagamento dos rombos causados pela má gestão das contas públicas.

A exemplo do período neoliberal, o governo federal dos trabalhadores privilegia o capital financeiro em detrimento das classes menos favorecidas e da valorização dos Servidores Civis da União, que representam o Estado na condução das suas políticas públicas.

A pequena parcela da população, detentora de mais da metade da renda do país, é novamente privilegiada, pois não está sendo chamada a contribuir com a fração que lhe cabe.

O ATENS Sindicato Nacional mantém-se vigilante e permanecerá na defesa e valorização dos servidores que representa, e em busca de uma sociedade mais justa, democrática e igualitária.

A Diretoria